Páginas

quinta-feira, 12 de julho de 2012

QUEM É QUEM? (Aurília Breckenfeld Dantas)





"Nasceu no sítio Graciosa, município de São João do Rio do Peixe, aos 12 de junho de 1920. Filha de Joaquim Liberato Dantas e Cândida Breckenfeld Dantas (Baú), ambos falecidos, de ascendência materna alemã.
            Foi alfabetizada por sua própria mãe no sítio onde nasceu, propriedade de seus pais, no qual viveu a sua infância.
            Deslocou-se para Antenor Navarro, no ano de 1934, com o fim de estudar em casa do seu tio José Cândido Siqueira Dantas, 1º tabelião público, e de sua madrinha de crisma Ana Estrela Dantas (Donana), a quem tinha grande estima. Matriculou-se no Grupo Escolar Joaquim Távora, vindo a concluir o 4º ano primário no dia 30 de novembro de 1937.
            Em abril de 1944 entrou a trabalhar no 1º Cartório de Antenor Navarro, de propriedade de José Augusto Dantas, como escrevente compromissada, função que exerceu até janeiro de 1946. A 1º de agosto do mesmo ano foi contratada como professora leiga, sem concurso, para lecionar no sítio Livramento, então município de Antenor Navarro. Lecionou lá durante oito anos, até 6 de agosto de 1954, tendo deixado muitos alunos alfabetizados, bom círculo de amizades, compadres e afilhados. No dia seguinte (7 de agosto), foi posta pelo Governo do Estado à disposição do Juiz Eleitoral da comarca de Antenor Navarro, Dr. Walter Sarmento de Sá, a fim de prestar serviços como auxiliar dos trabalhos eleitorais, durante o período de três meses.
            Em dezembro de 1947 submeteu-se a concurso de habilitação para professores leigos que já eram contratados pelo Estado, promoção da Secretaria de Educação e Saúde, logrando aprovação com boas notas.
       Removida para o Grupo Escolar Joaquim Távora, em fevereiro de 1955, onde lecionou até 27 de junho de 1979. Serviu também na Secretaria da Escola Comercial Adelino Pinto, em horário especial, durante quatro anos.
            Removida novamente, para o Colégio Ministro José Américo de Almeida, no dia 28 de junho de 1979. Neste estabelecimento exerce atualmente a função de administradora escolar, conforme portaria de 21 de dezembro de 1979, expedida pelo Diretor-Presidente da Fundação Padre Ibiapina, entidade à qual pertence o Colégio.

       Aos 25 de julho de 1980 concluiu o curso de Licenciatura Plena em História, na Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Cajazeiras, para a qual havia feito exame vestibular em 1977.
       Exerce, ainda a função de presidente da Fundação Educar (antigo MOBRAL), em Antenor Navarro, há mais de sete anos.
       Seu currículo é também enriquecido com a participação em cursos, treinamentos, seminários e encontros, como se pode observar:
       Curso de Capacitação do Ginasial, promoção da Secretaria de Educação e Cultura, em convênio com o MEC, realizado de março a agosto de 1971. Curso de Atualização Pedagógica, ministrado pelo Projeto Rondon IX, em Antenor Navarro, 1972. Curso supletivo (ginasial), realizado no Colégio Estadual de Cajazeiras, conforme certificado de 31.01.1973. Curso intensivo de quatro meses, no Centro de Treinamento de Professores de Sousa, 1973, mediante o           qual recebeu o diploma de regente de ensino primário em 7.05.1973. Sendo este curso equivalente ao 1º ano pedagógico, matriculou-se no 2º ano, na Escola Madre Teresa Machado, de Sousa, onde se diplomou em 7.12.1974. Seminário de História da Paraíba, promovido pela FAFIC, em Cajazeiras, em 1978.Ciclo de conferências sobre Cultura Popular do Nordeste, ministrado pela professora Aglae de Oliveira, na FAFIC, em Cajazeiras, em 1978. Curso de Relações Humanas, ministrado pela irmã Aurélia Gonçalves, em Antenor Navarro, em 1972. Curso de Especialização em História do Brasil, Faculdade de Filosofia,  Ciências e Letras, Patos, janeiro a março de 1983. Curso de Psicologia da Adolescência, ministrado pela professora Ilzanete Bandeira, em Antenor Navarro, em janeiro de 1984.Encontro de Administradores  e Coordenadores Pedagógicos de Escolas Normais, promovido pela Inspetoria Técnica de Ensino, coordenação da professora Alba  Uchoa Rangel, na cidade de Sapé, de 4 a 8 de  junho de 1979. IX Encontro de Administradores e Secretários de  Estabelecimento de Ensino  Públicos e Particulares de 1º e 2º Graus, promovido pela Secretaria de Educação e Cultura, na cidade de Patos, em outubro de 1980. X Encontro de Administradores  e Secretários de Estabelecimentos de Ensino Públicos e Particulares de 1º e 2º, em Cajazeiras, de  5 a 6 de dezembro de 1981. XI Encontro de Administradores de Estabelecimentos de Ensino de 1º e 2° Graus, realizado em Patos, em 1983. Seminário sobre Educação e Fraternidade, realizado em Cajazeiras, nos dias 12 e 13 de março de 1982.
       É ainda, detentora das seguintes honrarias:
  Diploma de Honra ao Mérito, conferido pelo Ministério da Educação, pela participação no processo de erradicação do analfabetismo, contribuindo, assim, para o desenvolvimento de sua comunidade e para a proteção do homem brasileiro. Diploma de Personalidade de Destaque pelo honroso desempenho na profissão de professora, pelos seus  serviços prestados à comunidade navarrense. Diploma de Destaque à Personalidade que marcou presença no mundo sócio-político-cultural de nossa cidade no ano de 1982.”



(Extraído do livro “NAVARRENSES ILUSTRES”. Fortaleza, IOCE, 1986. Guerra, Severino Fernandes).

2 comentários:

  1. Merecida lembrança e homenagem.
    Abraços.
    Patrício Pires.

    ResponderExcluir
  2. São joao perde uma grande mulher,um ser humano maravilhoso!

    ResponderExcluir