Páginas

quarta-feira, 12 de março de 2014

QUEM É QUEM (DOUTOR RUY)


                            “Ruy Formiga Barros
             

 Na vila de São João do Rio do Peixe nasceu  Ruy Formiga Barros no dia 12 de março de 1929, sendo seus pais Raimundo d’Oliveira Barros e Emília Formiga Barros (Iaiá Barros). Freqüentou as escolas particulares de Conceição de Freitas e Federalina Jusselino de Aquino. Estudou no Grupo Escolar Joaquim Távora, onde fez o curso primário.
             Os estudos secundários foram realizados no Seminário Franciscano de Santo António (Ipuarana, Campina Grande-PB) 1945 a 1951.
              Ingressou no Noviciado Franciscano, em Sirinhaém - PE, no ano de 1952, desistindo da vocação religiosa em novembro do mesmo ano, antes de professar os votos simples. .
               Lecionou, em 1954, no Colégio Diocesano de Patos, as seguintes disciplinas: Francês, Música, Matemática e Religião.
             Em 1955 fez exames vestibulares à Faculdade de Direito da Paraíba e à Faculdade de Filosofia e Letras, com aprovação em ambas. Optou pelo curso de Ciências Jurídicas e Sociais, em que se bacharelou em 1959.
            A partir de 1955, enquanto cursava a Faculdade de Direito, pela qual fez opção, exerceu a função de escriturário na antiga Cooperativa de Crédito Agrícola de Antenor Navarro Ltda., onde serviu até 1960, chegando ao cargo de subgerente.            
           Com a fundação da Escola Comercial Adelino Pinto, ocupou as cadeiras de Matemática, Francês e Desenho. Na referida escola foi também secretário (de 1957 a 1964) e diretor (1965). Exerceu, também em Antenor Navarro, a função de adjunto de promotor no período de dezembro de 1957 a setembro de 1960, quando foi nomeado, mediante concurso,  juiz de Direito da comarca de São José de Piranhas.
            Promovido a juiz de 2ª entrância, em novembro de1966, designado para a comarca de Itaporanga. Transferido para a 1ª vara da comarca de Sousa, também de 2ª entrância, em agosto de 1967. Para Cajazeiras (2ª entrância), em dezembro de 1967. Promovido para comarca de 3ª entrância, em novembro de 1980, onde assumiu a 5ª vara criminal e posteriormente a 6ª vara cível, privativa de menores, na cidade de Campina Grande, onde se encontra atualmente.
        Em fevereiro de 1984 assumiu a direção do Forum Afonso Campos, por ato do Presidente do Tribunal de Justiça do Estado da Paraíba.
Sempre ligado ao magistério, exerceu esta atividade em várias comarcas por onde passou. Em São José de Piranhas lecionou na escola Comercial Manoel Guimarães. Em Cajazeiras, no Colégio Diocesano Padre Rolim, no Colégio Nossa Senhora de Lourdes, no Colégio Comercial Monsenhor Constantino Vieira e no Colégio Estadual de Cajazeiras. Em Campina Grande, na Faculdade de Direito da URNE, as matérias Teoria Geral do Estado e Direito Constitucional (1º semestre de 1983).
               Frequentou a Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Cajazeiras, no período de 1970 e 1973, na qual fez o curso de Licenciatura Plena em Letras.
              Outros cursos e treinamentos: Estágio de Orientação para Administradores Escolares, promovido pela Campanha de Aperfeiçoamento e Expansão do Ensino Comercial, de 4 a 13.09.1958, em João Pessoa – PB; Curso de Psicologia Aplicada às Relações Públicas e Humanas, promoção da Fundação Padre Ibiapina, em 20.12.1969, em Cajazeiras – PB; Curso Introdutório à Dinâmica do Desenvolvimento Econômico, ministrado pelo professor José Leopoldo de Sousa, da Faculdade de Ciências Econômicas da UFPB, de 18 a 20.08.1972; Curso de Expansão e Atualização do Ensino, com base na lei nº 5.692, promovido pela Divisão de Educação e Cultura da Prefeitura Municipal de Cajazeiras, de 22 a 25.08.1973, em Cajazeiras - PB; Curso de Comunicação e Expressão – Língua Nacional, promoção da Secretaria de Educação e Cultura do Estado da Paraíba e realizado pelo Departamento de Ensino do 2ª Grau, de 28.01 a 01.02.1974, em Cajazeiras – PB: Curso de Especialização em Direito Civil, promoção do Tribunal de Justiça da Paraíba, de 26 a 31.05.1980, em João Pessoa – PB; II Semana do Advogado, promovida pela Associação dos Advogados de Campina Grande, de11 a 15.08.1981, em Campina Grande – PB.
               Freqüentou cursos e congressos de Magistratura Estadual, promoção da Associação da Magistratura do Estado da Paraíba, nas cidades de Campina Grande, João Pessoa, Patos e Antenor Navarro. Tomou parte no Congresso de Magistratura Nacional, na cidade de Manaus – AM, em 1980, promoção da Associação da Magistratura Nacional.
             Possui os seguintes títulos: diploma de Honra ao Mérito, conferido pela Associação Universitária de Cajazeiras (AUC), em 18-07-1971, por ter-se destacado no setor de ralações públicas, elevando o nome de Cajazeiras; diploma de participação na Corrida do Fogo Simbólico da Pátria, correspondente ao ano de 1972, por ocasião do Sesquicentenário da Independência do Brasil, conferido pela direção e funcionários da Rádio Alto Piranhas de Cajazeiras, pelo reconhecimento de seu trabalho em favor do engrandecimento da terra, expedido em 29.12.1973; diploma de Cidadão Cajazeirense, conferido pela Câmara Municipal de Cajazeiras, de acordo com a resolução nº 1/73, de 13.03.1973, entregue em 12.03.1974; título de Personalidade de Destaque, pelo criterioso trabalho que desempenhou durante sua função de Juiz de Direito da comarca de Cajazeiras, expedido em 20.05.1978, promoção GRUCOCONSEC. 
            Casado com Maria Ilzanete Gomes Formiga Barros (31.07.1962) e pai dos filhos: Antônio, Francisco Bergson, Vinícius José e Múria.
             É também proprietário rural e agropecuarista nos municípios de Bonito de Santa Fé e São José de Caiana, ambos na Paraíba.”
            
             Transcrito do livro “NAVARRENSES ILUSTRES”. Fortaleza, IOCE, 1986. Guerra, Severino Fernandes
            
             Dr. Ruy Formiga faleceu em João Pessoa-PB, a 22-08-2012, aos 83 anos de idade, como desembargador aposentado do Tribunal de Justiça da Paraíba.

Nenhum comentário:

Postar um comentário